Competência fundamental para o século XXI, no campo pessoal e profissional, resiliência é a nova palavra de ordem para o sucesso. Em 2000, Dr. Heckman, Prêmio Nobel de Economia já afirmava: “Nosso melhor investimento em longo prazo é no capital humano, na forma de educação emocional, social e cognitiva. Atualmente, estamos falhando nas duas primeiras áreas do desenvolvimento em nossos sistemas educacionais”.

Vinte anos depois, essa realidade se confirma. Vivemos em um momento em que ter domínio cognitivo não basta para garantir um bom emprego ou ter sucesso acadêmico. Hoje, se destaca no mercado e na vida que desenvolve as habilidades socioemocionais e se torna uma pessoa RESILIENTE.

Resiliência significa a capacidade de se recuperar de situações de crise e aprender com ela. É ter a mente flexível e o pensamento otimista, com as metas claras e a certeza de que tudo passa. É principalmente saber extrair os momentos felizes mesmo diante das adversidades. Um conjunto de habilidades socioemocionais que podem ser desenvolvidas ao longo da vida. Tais como: autoconfiança, reconhecimento dos sentimentos, autocontrole, empatia, flexibilidade, entre outas. Todas as Habilidades do ser humano podem ser treinadas e aprendidas.

Agora no Brasil e com turmas em Cascavel, já temos O Método FRIENDS que é um programa de desenvolvimento de Habilidades Sociais e Emocionais direcionado a crianças, jovens e adultos. O Método FRIENDS é um programa Australiano, sistematizado, baseado em evidências científicas e o único no mundo reconhecido pela Organização Mundial de Saúde para desenvolver as habilidades socioemocionais. O objetivo é melhorar a confiança e autoestima do indivíduo através de estratégias práticas e ferramentas que os ajudem a lidar com sentimentos como medo, ansiedade, preocupação, depressão, manejo de problemas comportamentais, promoção de resiliência e bem-estar mental e melhora de desempenho acadêmico e laboral.

Thiara Marques de Matos é psicóloga e participou do grupo de Adultos “ADULT RESILIENCE” e afirma: “O FRIENDS me proporcionou momentos de reflexão e aprendizado a cada novo encontro. Mostrou-me que é possível buscar novas maneiras de encarar as dificuldades com ferramentas simples. Ensinou-me a ser mais flexível, ter mais otimismo mesmo frente às adversidades, ser uma pessoa melhor pra mim mesma e para as pessoas que me cercam, tanto na minha vida pessoal quanto profissional. Hoje me sinto uma pessoa mais confiante, otimista, de bem com a vida e comigo mesma, mais feliz, afinal, o método me ensinou a ver que as alegrias estão nas pequenas coisas do dia a dia, que por vezes deixamos de perceber por nos deixar contagiar por adversidades diárias. Aprendi a ter foco e sempre buscar novas estratégias para encarar desafios, e principalmente acreditar que dentro de mim tenho habilidades que só precisam ser potencializadas”.

Durante a aplicação do Método várias ferramentas são ensinadas para que o indivíduo possa utiliza-la em todos os momentos da sua vida, proporcionando felicidade e qualidade de vida. Fazendo com que se torne forte, mas não rígido!

As habilidades sócio afetivas são essenciais no mundo atual para que o indivíduo possa ser um bom aluno, trabalhador, empresário ou cidadão e muitos comportamentos de risco (uso de drogas, violência, bullying) podem ser reduzidos ou prevenidos quando essas habilidades são desenvolvidas.

Portanto, é uma necessidade urgente desenvolvermos a Resiliência para vivermos bem na atualidade. É como nos alerta Nicholas Humphrey, psicólogo inglês autor do livro “Inner Eye: A evolução da Inteligência social”: “HUMANOS NÃO PODEM VIVER FORA DA SOCIEDADE. O SUCESSO SOCIAL É A CHAVE PARA ALCANÇARMOS TODOS NOSSOS OBJETIVOS CULTURAIS E BIOLÓGICOS”.

Foto: Arquivo pessoal

Por:
Mediadora do Método Friends – Alfabetização emocional
e social: Resiliência (Austrália), Neuropsicopedagoga,
Psicopedagoga, Palestrante e Consultora Educacional e
Empresarial
Juliana Pinheiro